3º Domingo do Advento

Primeira Leitura

Primeira Leitura (Is 61,1-2a.10-11)

Leitura do Livro do Profeta Isaías:

1 O espírito do Senhor está sobre mim, porque o Senhor me ungiu; enviou-me para dar a boa-nova aos humildes, curar as feridas da alma, pregar a redenção para os cativos e a liberdade para os que estão presos; 2a para proclamar o tempo da graça do Senhor.

10 Exulto de alegria no Senhor e minh’alma regozija-se em meu Deus; ele me vestiu com as vestes da salvação, envolveu-me com o manto da justiça e adornou-me como um noivo com sua coroa ou uma noiva com suas joias.

11 Assim como a terra faz brotar a planta e o jardim faz germinar a semente, assim o Senhor Deus fará germinar a justiça e a sua glória diante de todas as nações.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Salmo

Responsório Lc 1,46-48.49-50.53-54 (R. Is 61,10b)

— A minh’alma se alegra no meu Deus.

— A minh’alma se alegra no meu Deus.

— A minha alma engrandece ao Senhor, e se alegrou o meu espírito em Deus, meu Salvador, pois ele viu a pequenez de sua serva, desde agora as gerações hão de chamar-me de bendita.

— O Poderoso fez por mim maravilhas. E Santo é o seu nome! Seu amor, de geração em geração, chega a todos que o respeitam.

— De bens saciou os famintos, e despediu os ricos sem nada. Acolheu Israel, seu servidor, fiel ao seu amor.

Segunda Leitura

Segunda Leitura (1Ts 5,16-24)

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses:

Irmãos: 16 Estai sempre alegres! 17 Rezai sem cessar. 18 Dai graças em todas as circunstâncias, porque essa é a vosso respeito a vontade de Deus em Jesus Cristo.

19 Não apagueis o espírito! 20 Não desprezeis as profecias, 21 mas examinai tudo e guardai o que for bom. 22 Afastai-vos de toda espécie de maldade! 23 Que o próprio Deus da paz vos santifique totalmente, e que tudo aquilo que sois — espírito, alma e corpo — seja conservado sem mancha alguma para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo! 24 Aquele que vos chamou é fiel; ele mesmo realizará isso.

- Palavra do Senhor.

- Graças a Deus.

Evangelho

Anúncio do Evangelho (Jo 1,6-8.19-28)

— Aleluia, Aleluia, Aleluia.

— O Espírito do Senhor sobre mim fez a sua unção, enviou-me aos empobrecidos a fazer feliz proclamação. Is 61,1 (Lc 4,18)

— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João.

— Glória a vós, Senhor.

6 Surgiu um homem enviado por Deus; seu nome era João. 7 Ele veio como testemunha, para dar testemunho da luz, para que todos chegassem à fé por meio dele. 8 Ele não era a luz, mas veio dar testemunho da luz. 19 Este foi o testemunho de João, quando os judeus enviaram de Jerusalém sacerdotes e levitas para perguntar: “Quem és tu?”

20 João confessou e não negou. Confessou: “Eu não sou o Messias”.

21 Eles perguntaram: “Quem és então? És tu Elias?” João respondeu: “Não sou”. Eles perguntaram: “És profeta?” Ele respondeu: “Não”.

22 Perguntaram então: “Quem és, afinal? Temos que levar uma resposta para aqueles que nos enviaram. O que dizes de ti mesmo?” 23 João declarou: “Eu sou a voz que grita no deserto: ‘Aplainai o caminho do Senhor’” — conforme disse o profeta Isaías.

24 Ora, os que tinham sido enviados pertenciam aos fariseus 25 e perguntaram: “Por que então andas batizando, se não és o Messias, nem Elias, nem o Profeta?”

26 João respondeu: “Eu batizo com água; mas no meio de vós está aquele que vós não conheceis, 27 e que vem depois de mim. Eu não mereço desamarrar a correia de suas sandálias”.

28 Isto aconteceu em Betânia, além do Jordão, onde João estava batizando.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

Santo Do Dia

Origens
São José Manyanet Daniel y Vives nasceu em 7 de janeiro de 1833 em Tremp (Lleida, Espanha), em uma grande família cristã. Foi batizado no mesmo dia de seu nascimento. Aos 5 anos, sua mãe o ofereceu a Nossa Senhora de Valldeflors, padroeira da cidade. Completou os estudos secundários em Barbastro e depois os de filosofia e teologia nos seminários diocesanos de Lleida e Urgell. Contudo, para isso, teve que encontrar um emprego quando menino. Foi ordenado sacerdote em 9 de abril de 1859.

Fundador
Após 12 anos de intenso trabalho na diocese de Urgell, ao serviço do Bispo, como seu familiar, mordomo palaciano, bibliotecário do seminário, secretário adjunto da câmara e secretário das visitas pastorais, sentiu-se chamado por Deus a abraçar a vida religiosa e a fundar duas congregações, um masculino e outro feminino.

A Fundação
Com a aprovação do Bispo, em 1864, fundou os Filhos da Sagrada Família Jesus, Maria e José e, em 1874, as Filhas Missionárias da Sagrada Família de Nazaré, com a missão de imitar, honrar e propagar o culto da Sagrada Família de Nazaré e prover a formação cristã das famílias, principalmente por meio da educação e instrução católica de crianças e jovens e do ministério sacerdotal.

São José Manyanet: grande fundador e impulsionador da fé

40 anos de Formação
Com a oração constante e o trabalho incansável, viveu exemplarmente todas as virtudes e, juntamente com a sua amorosa dedicação à cura das almas, orientou e impulsionou, no espaço de quase quarenta anos, a formação e expansão dos dois institutos, abrindo colégios, escolas profissionais, seminários e outros centros de apostolado em vários lugares da Espanha. Hoje, os dois institutos estão presentes, com o exercício de sua missão. O institutos estão em vários países da Europa, nas duas Américas e na África.

Devoto da Sagrada Família
Chamado de modo especial por Deus, escreveu diversas obras e folhetos para apresentar ao mundo o exemplo da Sagrada Família de Nazaré, difundir sua devoção e estimular sua imitação. Ele também fundou a revista La Sagrada Familia, agora publicada em espanhol e italiano e foi inspirado a propor a construção, em Barcelona (Espanha), de um templo expiatório em homenagem à Sagrada Família, que seria a morada espiritual e universal de todos famílias. Da sua inspiração nasceu o templo da Sagrada Família, uma brilhante obra do arquiteto e Servo de Deus Antonio Gaudí. Foi destinada a perpetuar visualmente as virtudes e os exemplos da Família de Nazaré.

São José Manyanet: Grandes Obras

Compartilhe
deixe sua mensagem